REBRAFIC assina memorando de entendimento com as duas associações de produtores mais importantes do Peru

Lima, Peru, 22 de setembro de 2017. Na última sexta-feira, 22, a APCP – Asociación de Productores Cinematográficos del Peru e a UCP – União de Cineastas Peruanos assinaram com a REBRAFIC – Rede Brasileira de Film Commissions um memorando de entendimento (MoU) durante o II SIPC – Seminário Internacional de Produção Cinematográfica.

O objetivo do acordo é criar um marco para o desenvolvimento das relações de cooperação e beneficiar a cada organização e seus respectivos membros. Como resultado, são esperados negócios e oportunidades de produção audiovisual que possam conectar produtoras associadas a film commissions e suas locações, de forma a estimular a atividade econômica nos dois países.

O memorando visa promover a coprodução de filmes, programas de televisão e demais formatos de conteúdo audiovisual, além de filmagens em locações no Brasil por produtores do Peru, com o suporte de uma rede de 26 film commissions em 14 estados brasileiros e no Distrito Federal. Assim, o novo acordo é uma oportunidade para que os membros da REBRAFIC ofereçam seus serviços e locações para as produtoras peruanas.

O documento foi assinado por Nathalie Hendrickx (Presidente da APCP), Gabriel Quispe Medina (Presidente da UPC) e Steve Solot (Diretor Executivo da REBRAFIC).

FullSizeRender

Da esquerda para a direita:  Gabriel Quispe Medina, Steve Solot, Roberto Barba (Diretor da Transversal Films e Coordenador do Seminario Internacional de Producción Cinematográfica) e Nathalie Hendrickx.

Sobre a APCP:
A Asociación de Productores Cinematográficos del Peru – APCP é uma associação de produtores de cinema peruanos fundada em 2004, para preencher o vazio deixado pelo fim da Asociación de Cineastas del Perú, que existiu no país entre 1977 e 2000, e alcançou muito sucesso na promulgação da legislação cinematográfica peruana. A APCP tem como objetivo defender os direitos e interesses de todos aqueles que querem produzir cinema no Peru, propiciar e defender a existência do cinema peruano, e colaborar com o Estado e demais associações do mercado cinematográfico, como aquelas dos setores de exibição e distribuição.

Sobre a UCP:
Fundada em julho de 2009, a UCP – União de Cineastas Peruanos é uma associação de cinema que reúne cineastas de todas as especialidades produtivas (técnicas e artísticas), além de agentes culturais, que formam o cinema peruano. Desde sua fundação, tem feito propostas para o desenvolvimento integral do cinema do país, incluindo a elaboração de sucessivos projetos de lei, em coordenação direta com o Congresso da República e também em grupos de trabalho convocados pelo Ministério da Cultura e seus departamentros que fomentam o cinema, o audiovisual e a indústria cultural em geral. Em 2017, a UCP elaborou o projeto de lei de Cinema e Audiovisual Peruano, recentemente aprovado pelo Conselho de Ministros e enviado ao Congresso da República.

Comments are closed.